Highslide for Wordpress Plugin

Praça Eugenio Latour Rio de Janeiro, RJ

Tel: (21) 2458-4551
Mensagem do pároco › 07/12/2015

Celebrando nossa padroeira

nossa_senhora_de_guadalupeCelebraremos com muita alegria, a festa da Mãe da América Latina e Nossa Padroeira Nossa Senhora Guadalupe de 02 à 12 de dezembro.

Quantas coisas acontecem nesse tempo de graça para a nossa comunidade: a Visita Missionária, a Novena, milhares de devotos na casa de Nossa Senhora Guadalupe para rezar e agradecer as graças alcançadas a Mãe de Misericórdia.

Acolher também é EVANGELIZAR! A igreja é casa da acolhida, da benção e da graça de Deus. Igreja como casa de acolhida e lugar de viver a misericórdia de Deus.

Esta acolhida só é possível graças ao trabalho de nossos colaboradores nos diversos grupos e pastorais da comunidade; verdadeiros discípulos e missionários de Jesus Cristo e a participação de cada fiel e família dizimista, que mensalmente ofertam generosamente sua contribuição, mantendo assim a evangelização em nossa paróquia.

Igualmente, não podemos esquecer o trabalho dos religiosos frades/padres Mercedários que aqui pregam o evangelho incansavelmente e explicitamente.

irmão e irmã, convidamos você e sua família a rezar conosco!

Esta é uma ocasião especial para testemunhar a sua fé, seu amor a Jesus Cristo e a nossa Senhora de Guadalupe.

Participe da novena todos os dias alimentando-se da Palavra de Deus e da Eucaristia, respondendo ao chamado de ser também um discípulo-missionário de Jesus.

Participe conosco! Ajude a Evangelizar! Seja um Dizimista! Faça parte de uma Pastoral! Colabore para que a casa de nossa mãe seja mais evangelizadora e acolhedora.

Que a Mãe de Guadalupe abençoe você e sua família!

Frei Werlen Lopes da Silva

Pároco

Uma resposta para “Celebrando nossa padroeira”

  1. Izabel Guillon disse:

    Quero agradecer, a poderosa Nossa Senhora de Guadalupe, pela grande graça de cura do meu joelho esquerdo, que estava com os ligamentos arrebentados, e segundo o médico e a ressonância magnética que tinha feito, eu teria que operar.
    Pedi a ela que curasse o meu joelho, isto foi à noite, quando amanheceu, que acordei e pus os pés no chão, senti que podia andar, sem que meu joelho doesse. Desse dia em diante, o joelho foi melhorando a cada dia, e hoje estou andando e até subindo escada. Uns meses depois, fui ao médico, e ele constatou que o joelho estava curado.
    Tenhamos fé em Nossa Senhora de Guadalupe, pois ela é poderosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *